O poder de disseminação e a velocidade de propagação da informação nas mídias sociais despertou interesse entre empresas e organizações na comunicação em plataformas como Twitter e Facebook.

As pessoas estão de saco cheio de informações promovidas por marcas e por entidades institucionais com logomarcas. Usar pessoas para repassar as informações de sucesso da sua empresa ou do governo, tem mais valor uma vez que entra na rede personalizada de cada colaborador da empresa/governo.

As mensagens de marca são re-compartilhadas mais frequentemente quando são distribuídas pelos funcionários da marca.

Cada pessoa dentro da sua empresa ou do governo é muito importante, muito mesmo, além do serviço que realiza; cada uma possui um potencial de comunicação e alcance off line e online; saber explorar esses dois ambientes combinados com a cultura da sua empresa e a comunicação pode atingir um alcance que você ainda não calculou.

O boca a boca, por onde passa no meio físico – offline – os seus colaboradores estão se relacionando constantemente em ambientes como: igreja, escola, baladas, restaurantes, com os amigos, entre outros espaços.

No digital não é diferente, o que muda, um dispositivo (celular, computador, relógio inteligente) com acesso a internet – relacionamento online – em comunidades sociais, blog, sites, redes sociais online (Facebook, Twitter, Instagram, Linkedin, Pinterest);

Saber usar esses dois ambientes, estimular cultura interna e tornar a mensagem precisa e planejada pode potencializar seu poder de comunicação com a população conectada com seus colaboradores.

Os seus funcionários estão conversando em comunidades de qualquer maneira. Dê a eles informações precisas e de valor para que possam espalhar em suas redes sociais.

LEMBRE-SE: as mensagens de marca são re-compartilhadas mais frequentemente quando são distribuídas pelos funcionários da marca.

Nas redes sociais existe uma métrica para medir a audiência de um canal, que é Alcance, que significa quantas pessoas estão conectadas a sua rede social. Imagine que você tenha uma página no Facebook com 10 mil pessoas conectadas. Agora, imaginamos que sua empresa possui 120 funcionários, 70% conectados no Facebook (84), onde cada um dos 84 colaboradores possui média de 350 amigos conectados. No Twitter cada um com 25 pessoas conectadas; No Linkedin, cada com 5 amigos.

Isso totaliza alcance pouco mais de 70 mil pessoas. E aí, você vai ficar aí continuando com sua estratégia isolada no seu Facebook da sua empresa (com alcance de 10 mil pessoas) ou vai engajar seus funcionários num plano integrado?

Podemos te ajudar:

  • Desenvolver uma política de mídia social sólida;
  • Treinar todos seus funcionários, pensando em social de forma holística como uma organização;
  • Compartilhar as melhores práticas e destaque seus sucessos.

 

Você e sua equipe terão uma central de mídia, o que pode ajudar a expandir o seu canal oficial para as redes dos seus colaboradores atingindo maior alcance da sua mensagem. Com eles treinados e preparados, poderão ser invocados quando há uma coisa boa acontecendo ou quando há coisa ruim acontecendo.